Um espaço de Debate, Um formular de ideias
 
InícioInício  PortalPortal  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Login  

Compartilhe | 
 

 LEI SÁLICA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
RosaLati
Convidado



MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Qui 21 Dez - 12:11

Caro, Reiziger
Agradecida pelo seu esclarecimento, e desde já lhe dou as boas vindas aos nosso Forum.

Bem-Haja
Voltar ao Topo Ir em baixo
Breezar



Número de Mensagens : 11
Data de inscrição : 27/03/2007

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Qua 28 Mar - 9:18

Na minha opinião a lei sálica não deveria existir.É demasiado antiga,infrige a igualdade de sexos,e é totalmente descabida.Caso se restaure a monarquia em portugal,espero que não exista nenhuma lei salica.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
RosaLati
Convidado



MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Qua 28 Mar - 10:48

Ora parece que aqui temos mais um monarquico "sem poeira", lol.

Seja bem vindo, caro Breezar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
leónidas_



Número de Mensagens : 57
Data de inscrição : 09/03/2007

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Dom 8 Abr - 13:01

Curiosamente os reinados protagonizados por mulheres foram um total desastre, em Portugal.Igualmente curioso é o facto de ser ao contrário em Espanha e Inglaterra.......deve ser do clima

Bem haja, obrigado pela atenção
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rider



Número de Mensagens : 67
Data de inscrição : 29/08/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Dom 8 Abr - 14:48

Caro leónidas_

O reinado de D. Maria II foi muito instável devido ao confronto das diversas facções políticas, não teve nada a ver com o facto de o chefe de Estado ser uma mulher.

Bem haja.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
leónidas_



Número de Mensagens : 57
Data de inscrição : 09/03/2007

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Seg 9 Abr - 4:06

Nós não tivemos apenas duas mulheres a reinar caro Rider

Bem haja, obrigado pela atenção
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rider



Número de Mensagens : 67
Data de inscrição : 29/08/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Seg 9 Abr - 7:28

Caro leónidas_

Se for referente às regências, aplico o mesmo pensamento em relação à Infanta Isabel Maria, por exemplo.

O caso mais sensível talvez tenha sido o de Leonor Teles.

Bem haja.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
RosaLati
Convidado



MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Seg 9 Abr - 10:49

leónidas_ escreveu:
Curiosamente os reinados protagonizados por mulheres foram um total desastre, em Portugal.Igualmente curioso é o facto de ser ao contrário em Espanha e Inglaterra.......deve ser do clima

Bem haja, obrigado pela atenção

Acha? Olhe que muitos dos reinados protagonizados por homens também não foram lá grande sucesso e quando o foram, é porque tinham uma mulher nos bastidores.

Cumprimentos
Voltar ao Topo Ir em baixo
M. S. Pinto Correia



Número de Mensagens : 2
Idade : 28
Localização : Funchal
Data de inscrição : 09/04/2007

MensagemAssunto: Lei Sálica   Seg 9 Abr - 11:32

Estou em completo desacordo com a Lei Sálica, porém se subisse ao trono uma mulher, como rainha seria ela a transmissora do nome da família reinante, evitando com que os herdeiros transportassem o nome do pai como nome de família reinante.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://misterios.com.sapo.pt
RosaLati
Convidado



MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Seg 9 Abr - 14:04

Rider escreveu:
Caro leónidas_

O reinado de D. Maria II foi muito instável devido ao confronto das diversas facções políticas, não teve nada a ver com o facto de o chefe de Estado ser uma mulher.

Bem haja.

D.Maria II, nasceu em terras brasileiras. Teve uma infância despreocupada e feliz, mas cedo se preparou para ser rainha, ainda sem saber que o seu reinado seria um dos mais terríveis períodos da nossa História. Apesar de ter sido apelidada de “tirana”, o seu pulso de ferro escondia uma mulher alegre, bem-humorada e, acima de tudo, de uma vontade e coragem assinaláveis.

Quanto a D.Maria I, o seu reinado, depois de vinte anos com o pai no trono e com a pesada influência do Marquês de Pombal, não foi fácil. Mas revelou-se uma mulher extraordinária e democrática, deveras avançada para o seu tempo, o que se reflecte na sua ordem para que se soltassem todos os presos políticos (mais de oitocentos) .
A rainha, muito ligada aos problemas dos mais desprotegidos, reabriu as audiências populares, interrompidas no tempo do pai. Era respeitada e amada. A morte do marido em 1786, logo seguida do filho e herdeiro do trono, D. José, em 1788, deixaram a rainha num estado que a levaria a manifestações de loucura, como qualquer mãe que perde um filho.
N o seu reinado viu realizarem-se obras de vulto como a Academia das Ciências, a Real Academia da Marinha, a Real Biblioteca Pública de Lisboa (mais tarde Biblioteca Nacional, quando mudou para Entre Campos), entre outras.
A ela se deve a edificação da Basílica da Estrela, riquíssima de esculturas e recheio, que merece uma demorada visita.
Com a partida para o Brasil, em 1817, devido à invasão de Portugal pelas tropas de Napoleão, as manifestações de loucura foram-se agudizando. Nem os mais famosos médicos do estrangeiro a curaram. Embarcou contrariada para o Brasil, onde faleceu aos oitenta e um anos. Os brasileiros não souberam que D. Maria I quis diminuir a pena de morte para prisão perpétua, a Tiradentes, que assim foi executado, como eram os usos do tempo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
leónidas_



Número de Mensagens : 57
Data de inscrição : 09/03/2007

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Ter 10 Abr - 0:20

Mulheres e o poder são uma mistura explosiva que normalmente ou degenera em regimes opressivos ou em anarquia

Bem haja, obrigado pela atenção
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rider



Número de Mensagens : 67
Data de inscrição : 29/08/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Ter 10 Abr - 6:00

Caro leónidas_

A grande maioria dos regimes opressivos não teve uma mulher como figura principal, especialmente os mais conhecidos.

Igualmente, a diferença é bastante grande, em termos positivos, entre os países que têm mulheres no poder, e aqueles que não.

Bem haja.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Beladona



Número de Mensagens : 506
Localização : Algarve
Data de inscrição : 25/09/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Ter 10 Abr - 11:35

Caros amigos

Como alguns participantes já aqui o disseram,incluindo eu.Nos tempos presentes a Lei Sálica não deveria de se pôr,visto já não existir em princípio algum impedimento ou desigualdade entre os sexos,e portanto qualquer homem/mulher podem governar seja em monarquia,seja em república.

Independentemente de tipos de governações mais ou menos distintas por determinados motivos sociais da época em que decorreram,não vejo porque se hão-de inculcar as culpas só às mulheres que governaram por cá nessas mesmas alturas,se tivessem homens a governar os problemas não se iriam modificar por isso,e seriam resolvidos provavelmente da mesma maneira,até porque o governo de um país não se resume só ao monarca ou governante.

E caros amigos,não é uma questão de clima,é isso sim uma questão de problemas/conjunturas/situações específicas e de governos no seu todo,incluindo como é natural o respectivo governante.

E,caro leónidas,não seja tão pessimista no que respeita às mulheres no poder.Puxando o rabo à minha sardinha,acho até que aquele célebre sexto sentido que parece faltar aos homens é muito importante em governação.Acho mesmo,que as mulheres que não degeneraram em imitar os homens,são como governantes muito superiores a estes,visto estarem habituadas quase desde sempre,a governar as suas próprias casas/famílias,com os parcos rendimentos que os seus maridos lhes tinham ou queriam dar,isto com as devidas diferenças como é de calcular.

Um abraço da Beladona
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
RosaLati
Convidado



MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Ter 10 Abr - 12:23

leónidas_ escreveu:
Mulheres e o poder são uma mistura explosiva que normalmente ou degenera em regimes opressivos ou em anarquia

Bem haja, obrigado pela atenção

CARO Leónidas, eu peço desculpa, mas tamanho disparate, nem me merece comentário algum, bem-haja.
Voltar ao Topo Ir em baixo
IzNoGuud
Admin


Número de Mensagens : 418
Localização : Algarve
Data de inscrição : 05/07/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Qua 11 Abr - 4:03

leónidas_ escreveu:
Mulheres e o poder são uma mistura explosiva que normalmente ou degenera em regimes opressivos ou em anarquia

Bem haja, obrigado pela atenção


lololololol

_________________
Não ligues ao que os outros dizem. Escuta-os, analiza e reformula o teu próprio pensar.

Que seja essa a tua força.

Cogito Ergo Sum, I Tego Arcana Dei
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://politica-monarquica.naturalforum.net
leónidas_



Número de Mensagens : 57
Data de inscrição : 09/03/2007

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Qua 11 Abr - 4:36

Citação :
CARO Leónidas, eu peço desculpa, mas tamanho disparate, nem me merece comentário algum, bem-haja.

Cara RosaLatina, não creio que o silêncio seja a melhor forma de comentar um assunto tão pertinente.
Se as mulheres obtêm melhores notas, detêm lugares cimeiros na formação da geração seguinte, são a maior base eleitoral,etc.. não se compreende a sua ausência de resultados na area politica

Disse muito bem que D MariaII era uma mulher de ferro, mas não disse que chamou as tropas inglesas para intervirem e restaurarem o absolutismo em Portugal, chegaram a desembarcar em Lisboa mas não levaram a avante porque a população lisboeta tinha experiência de guerra, tendo cercado os ingleses

D Maria I era uma influenciavel que não soube compreender o reinado de seu pai


Beladona disse
Citação :
E caros amigos,não é uma questão de clima,é isso sim uma questão de problemas/conjunturas/situações específicas e de governos no seu todo,incluindo como é natural o respectivo governante.

E da chuva ,se está sol, se há muitas nuvens...

Será a mulher igual ao homem, com os mesmos dieitos e obrigações?
Não creio pois os sexos não têm as mesmas obrigações e por consequência os mesmos direitos
Basta lembrar o exemplo deploravel de Maria Nogueira Pinto que soube recorrer ao status de mulher "indefesa,fraca..." para ganhar pontos politicos quando sempre foi defensora do oposto.Ao menos podia ser coerente...mas não ainda tinha de vir dizer que socrates é um dos melhores politicos que este pais teve

A igualdade de obrigações está a provocar a ausência de protecção á maternidade ( com as empresas a exigirem o mesmo esforço e a despedirem todas aquela que optam por maternidade )
...

Bem haja, obrigado pela atenção
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Beladona



Número de Mensagens : 506
Localização : Algarve
Data de inscrição : 25/09/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Qua 11 Abr - 13:53

Caro leónidas

Felizmente a mulher não é igual ao homem,pois caso contrário o mundo seria uma chatice não acha?

O homem assim como a mulher têm as suas especificidades muito próprias e até mesmo entre os seus pares (quanto ao sexo) também há especificidades e particularidades.

Agora,quanto a direitos e deveres,esses são os mesmos numa sociedade que se quer moderna.É claro,que só a mulher dá à lúz,mas esta particularidade não deverá ser um contra às legítimas aspirações da mesma a ter uma profissão e sentir-se realizada com a mesma,sem nunca por isso deixar de ser mãe.O pai quando presente,também tem o seu papel e responsabilidade muito importante no apoio e acompanhamento da mãe e dos filhos,assim como também no apoio às tarefas domésticas.Uma família é sempre composta nos seus dois principais pilares,por um homem e uma mulher,que se devem de apoiar mutuamente.E,caso a mulher profissional tenha represálias pela parte do patronato,isso é um assunto de tribunal ou de sindicato,embora eu saiba que se faz muita coisa por baixo da mesa,como se costuma dizer.

Diga-me caro amigo,e desculpe a minha ignorância,quais as obrigações e direitos que estão destinados a cada sexo,segundo o seu conceito?

E caro amigo,quem é Maria Nogueira Pinto?Não será por acaso Maria José Nogueira Pinto?É que se é a esta senhora que o amigo se refere e ao problema passado na sede do CDS com a alegada ofensa física que a mesma se queixa de ter sido vítima.Bem,até prova em contrário não se pode acusar ninguém de estar a faltar à verdade ou não.Mas,fora este particular,esta senhora,no meu conceito pessoal não me parece uma pessoa de grande referência,refiro-me a certas posições e opiniões dela.

Isto é como tudo ,há pessoas melhores e mais honestas e outras piores e que abusam de certas particularidades e posições,independentemente do sexo que tenham.

Quanto ao seu último parágrafo àcerca da "ausência de protecção à maternidade",o caro amigo culpa quem?

Eu culpo os "belos"programas governamentais.

Um abraço da Beladona
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rider



Número de Mensagens : 67
Data de inscrição : 29/08/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Qui 12 Abr - 17:29

leónidas_ escreveu:
...mas não disse que chamou as tropas inglesas para intervirem e restaurarem o absolutismo em Portugal, chegaram a desembarcar em Lisboa mas não levaram a avante porque a população lisboeta tinha experiência de guerra, tendo cercado os ingleses...

Caro leónidas_

Penso que se esteja a referir à Belenzada que, ao contrário do que disse, não foi feita para restaurar o absolutismo, mas sim para tentar travar as acções do governo setembrista, facção mais radical do espectro político da época.

Bem haja.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
IzNoGuud
Admin


Número de Mensagens : 418
Localização : Algarve
Data de inscrição : 05/07/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Sex 13 Abr - 4:09

leónidas_ escreveu:
...Cara RosaLatina, não creio que o silêncio seja a melhor forma de comentar um assunto tão pertinente.
Se as mulheres obtêm melhores notas, detêm lugares cimeiros na formação da geração seguinte, são a maior base eleitoral,etc.. não se compreende a sua ausência de resultados na area politica...

Pelo contrário meu caro, compreende-se e muito bem.
A Sociedade continua a ser dominada por uma visão andrógina que desde
logo, mesmo que apenas inadvertidamente, dificulta o acesso das mulheres aos lugares que estas poderiam alcançar por mérito próprio.
Dou-lhe exemplos.

Profissionais em igual circunstância que nos mesmos locais de trabalho ganham menos que os seus colegas de género diferente. E olhe que eu conheço vários exemplos deste caso.
O porquê nunca explicado para que dentro dos Partidos Políticos, sejam raras as mulheres que alcançam lugares de destaque, quando as mesmas muitas vezes têm tantas ou mais capacidades do que os seus Líderes.
Etc..

leónidas_ escreveu:
Será a mulher igual ao homem, com os mesmos dieitos e obrigações?
Não creio pois os sexos não têm as mesmas obrigações e por consequência os mesmos direitos...

A igualdade de obrigações está a provocar a ausência de protecção á maternidade ( com as empresas a exigirem o mesmo esforço e a despedirem todas aquela que optam por maternidade )
...

Totalmente em desacordo meu caro amigo.
Primeiro, é sabido que cada género tem as suas especificidades próprias e que a protecção das mesmas deve ser mantido, mas em questões onde as especificidades de cada género não interferem, porquê segregar um dos géneros? Não compreendo.
Onde é que uma empresa perde com uma empregada grávida?
1º Não lhe paga, é a Segurança Social quem lhe paga e 2º Tanto quanto eu saiba, precisamente por ser uma situação temporária o trabalho a ser efectuado por esta empregada é dividido pelos seus colegas.

Quanto à Maternidade, efectivamente cabe aos Governos (e todos nós) defender novas situações compatíveis com a realidade nacional e tentar promover a maternidade (não é só dizer que ficam 2 anos em casa e esperar que o estado pague como na Alemanha), mas igualmente cabe às mulheres na Sociedade de hoje o papel de estas escolherem se é chegada a altura de optarem pela Maternidade ou sequer se querem eventualmente ter essa opção.
A vida está difícil para todos meu caro amigo, já não estamos na época dos nossos Pais, onde bastava um trabalhar para que uma família vivesse desafogada (q.b.), agora só para pagar as contas é preciso um ordenado e o outro então é para sobreviver. Como é que o meu amigo quer que uma mulher opte por ter filhos sem que esta família tenha a certeza de reunir as condições para os poder ter? Foi por isto mesmo, entre outras situações que eu votei SIM à despenalização da IVG.

Felizmente o tempo em que as mulheres eram vistam apenas como "galinhas poedeiras", cuja função se resumia em ter filhos e cuidar da casa já lá vai.
Nos dias de hoje, o homem tem de participar igualmente, tem de cuidar dos filhos, cuidar da casa, ou seja, fazer tudo quanto antes era apenas feito pelas mulheres.
O meu amigo acha que a Maternidade ficou a perder?
Eu acho que a Sociedade ficou a ganhar, nem que seja em igualdade, e a Paternidade igualmente.
O meu amigo sabia que pode a Licença de Parto ser atribuída a um Homem SE a Mulher optar por não a exercer (por questões profissionais a título de exemplo?)

Um abraço,

IzNoGuud

_________________
Não ligues ao que os outros dizem. Escuta-os, analiza e reformula o teu próprio pensar.

Que seja essa a tua força.

Cogito Ergo Sum, I Tego Arcana Dei
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://politica-monarquica.naturalforum.net
leónidas_



Número de Mensagens : 57
Data de inscrição : 09/03/2007

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Dom 15 Abr - 15:56

Caro Rider
Citação :
tentar travar as acções do governo setembrista, facção mais radical do espectro político da época.

Somos ,fomos e seremos uma nação independente, não um protectorado

Caro IzNoGuud
Citação :
A Sociedade continua a ser dominada por uma visão andrógina que desde
logo, mesmo que apenas inadvertidamente, dificulta o acesso das mulheres aos lugares que estas poderiam alcançar por mérito próprio.
Dou-lhe exemplos.

Profissionais em igual circunstância que nos mesmos locais de trabalho ganham menos que os seus colegas de género diferente. E olhe que eu conheço vários exemplos deste caso.
O porquê nunca explicado para que dentro dos Partidos Políticos, sejam raras as mulheres que alcançam lugares de destaque, quando as mesmas muitas vezes têm tantas ou mais capacidades do que os seus Líderes.
Etc..

Acontece o mesmo entre os homens, e o facto de entre as mulheres isso acontecer advém do facto de muitos confundirem local de trabalho com capoeira...muito apesar de as mulheres se descriminarem mais entre si do que nós

Citação :
Primeiro, é sabido que cada género tem as suas especificidades próprias e que a protecção das mesmas deve ser mantido, mas em questões onde as especificidades de cada género não interferem, porquê segregar um dos géneros? Não compreendo.

A Mulher deve assumir as suas diferenças e não querer jogar com as mesmas regras do homem...tal não é viável
A liberdade que a mulher hoje detem, deve-a mais aos homens do que á acção de uma mão cheia de mulheres

Citação :
Onde é que uma empresa perde com uma empregada grávida?

Nenhum texto lhe irá explicar este fenómeno real...só assistindo ao vivo!
enbora a ideia geral seja a de que ninguém quer cuidar dos filhos dos outros


Citação :
chegada a altura de optarem pela Maternidade ou sequer se querem eventualmente ter essa opção.

"politicamente correcto" concordo embora, até hoje não tenha conhecido nenhuma que não o desejasse ,normalmente são os companheiros que decidem

Citação :
A vida está difícil para todos meu caro amigo, já não estamos na época dos nossos Pais, onde bastava um trabalhar para que uma família vivesse desafogada (q.b.), agora só para pagar as contas é preciso um ordenado e o outro então é para sobreviver. Como é que o meu amigo quer que uma mulher opte por ter filhos sem que esta família tenha a certeza de reunir as condições para os poder ter?

"No tempo dos nossos pais" a realidade era bastante mais negra do que o meu amigo pensa e nenhum livro lhe poderá esclarecer esse ponto....nunca houve esse facto de só o homem trabalhar, ambos os sexos sempre trabalharam, só que a mulher não declarava e o estado não assumia
Quanto ás condições, ter filhos é uma chatice e todas as desculpas servem!...os filhos precisam é da presença dos pais, quanto ao resto não sabemos o que o dia de amanhâ nos reserva!

Citação :
Felizmente o tempo em que as mulheres eram vistam apenas como "galinhas poedeiras", cuja função se resumia em ter filhos e cuidar da casa já lá vai.

Realmente agora já não são "galinhas poedeiras" são só "galinhas"
Se a função das mulheres e dos homens não é a de terem filhos, então qual é????
Se a nossa dimensão espiritual é esta então não estamos muito longe da extinção

Citação :
O meu amigo acha que a Maternidade ficou a perder?

Acho! porque o homem não é substituto da mulher, pode complementar assistir mas não substituir...tal como a mulher não é substituta do homem!

Citação :
O meu amigo sabia que pode a Licença de Parto ser atribuída a um Homem SE a Mulher optar por não a exercer (por questões profissionais a título de exemplo?)

Conheço mulheres que ganham 4 e 5 vezes mais do que os seus maridos...ai compreendo, embora não seja a solução ideal

não esqueçendo a cara Beladona
Citação :
Felizmente a mulher não é igual ao homem,pois caso contrário o mundo seria uma chatice não acha?

concordo 100%...é que esta vida não teria qualquer piada!

Bem haja, obrigado pela atenção
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rider



Número de Mensagens : 67
Data de inscrição : 29/08/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Seg 16 Abr - 5:14

leónidas_ escreveu:
Somos ,fomos e seremos uma nação independente, não um protectorado

Caro leónidas,

Em grande parte da sua história, Portugal sempre esteve dependente de outros países, pelo que a eventual intromissão do Reino Unido (e da Bélgica) naquele assunto, não me espantaria de todo. De resto, temos outros momentos em que tal foi feito.

Bem haja.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
leónidas_



Número de Mensagens : 57
Data de inscrição : 09/03/2007

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Ter 17 Abr - 5:00

Caro Rider
Citação :
Em grande parte da sua história, Portugal sempre esteve dependente de outros países, pelo que a eventual intromissão do Reino Unido (e da Bélgica) naquele assunto, não me espantaria de todo. De resto, temos outros momentos em que tal foi feito.

Confunde depêndencia com interligação

Relativamente ao tópico inicial deixo aqui um upgrade ao enquadramento histórico inicial para melhor compreedermos a lei em causa:(tudo da idade média)

Provérbio italiano da idade mèdia;
"Um cavalo, seja bom ou mau, precisa de uma espora.Uma mulher, seja boa ou má, precisa de um amo e senhor-e por vezes de um varapau"

Robert d`Abrissel (padre):
"Uma mulher é uma bruxa, uma cobra, uma praga, uma ratazana, uma brotojoeja, um veneno, uma chama ardente e uma ajudante do Diabo"

Declaração da igreja do sec V:
"o Mal"....já sabem quem

tem a palavra Goodman de Paris ( éis o que ele disse á esposa):
" Imitem o comportamento de um cão que adora obedecer ao seu dono; mesmo que o dono o chicoteie o cão segue-o, abanando a cauda"..............e depois morde-lhe!

Conselho para lidar com raparigas dificeis( de um poema "Como a boa esposa ensinou a sua filha")
"Se as tuas filhas se rebelarem e não se curvarem
Se alguma delas fizer algum mal, não amaldiçoes nem batas
Agarra simplesmente num pau e bate-lhes em fila
Até pedirem misericórdia e até reconhecerem a sua culpa"

Por isso creio que é uma lei deslocada para os nossos tempos, além do mais nunca Carlos Magno cá pós "os pés"

Bem haja, obrigado pela atenção
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
IzNoGuud
Admin


Número de Mensagens : 418
Localização : Algarve
Data de inscrição : 05/07/2006

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Ter 17 Abr - 8:49

lololol...

Eu que fizesse uma treta dessas à minha moça... a 1ª coisa que ela me fazia era por-me com os patins lol

Fico a pensar quantos desses ilustres senhores não tiveram uns belos ornamentos a enfeitar as suas portas Smile é que ou era isso ou então não tinham sucesso com as moças e então ganharam-lhes ódio lol Smile

Um abraço Wink

IzNoGuud

_________________
Não ligues ao que os outros dizem. Escuta-os, analiza e reformula o teu próprio pensar.

Que seja essa a tua força.

Cogito Ergo Sum, I Tego Arcana Dei
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://politica-monarquica.naturalforum.net
Anonymou
Convidado



MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Ter 17 Abr - 15:15

Pois, isso deve ser na Europa k sp foram bué de atrasadinhos. Pois noutros sítios havia kilos de sociedade comandadas por mulheres. Vai na volta akilo era tudo treta e kem mandava eram as mulheres e eles publicavam akelas cenas para dar uma de fortos, he, he.
Voltar ao Topo Ir em baixo
leónidas_



Número de Mensagens : 57
Data de inscrição : 09/03/2007

MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   Qua 18 Abr - 4:53

Os romanos:
Carta de Hilarião á esposa;
"Se deres á luz um rapaz,cuida dele-mas se for uma rapariga, então deixa-a morrer!"

Juvenal ( sec I d.c. );
"Detesto uma mulher que lê"

Estão a ver aquele hábito de , no baptismo , dar um fio de ouro ás meninas?
O hábito vem deste periodo:
como á nascença as meninas não tinham um homem que as protegesse, co 8 dias de idade,esta era levada a uma cerimónia especial onde um coração de ouro (ainda hoje é utilizado) ou de couro era pedurado ao pescoço onde deveria ser conservado até ao dia do casamento (por volta dos 14 anos)

Durante a renascença evoluimos um pouco

Maquiavél (sec XV ): "O Principe"
"...porque fortuna é mulher e, para tê-la dominada, é preciso tratá-la sem grande consideração, demonstrando a experiência que só a vence quem a obriga. Como a mulher é amiga da juventude, porque os jovens são como ela menos recatados..."

Curiosamente as viquingues:( falo do sec 8-11) que quase não tinham alfabeto!!!
-podiam divorciar-se reavendo o dote no acto (uma divorciou-se porque o esposo exibia em excesso o tronco nú !?)
-podiam deter terras
-após o casamento mantinham os apelidos
- podiam trabalhar a terra e envergar armas (as israelitas, no sec XX não podiam tratar de animais, por exemplo)

.....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: LEI SÁLICA   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
LEI SÁLICA
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Usos, costumes e tradição evangélica nos dias de hoje e de ontem !!
» Fiel tem celular roubado dentro de igreja evangélica no meio da oração
» Pastor da Igreja Evangélica Congregacional em Angola, Manual Sukuonjali Evaristo, afirmou que as seitas que surgem no país são fruto de má interpretação bíblica de líderes que saem das igrejas tradicionais e fundas suas próprias igrejas, ensinando a Bíbli
» Café da manhã com Jesus Cristo
» Mensagens Não se sinta só, Deus é contigo

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Porque a Monarquia também é Política :: Visões Políticas :: Porque a Monarquia também é Política-
Ir para: